Volta a Portugal 2019 – Na 5.ª etapa a vitória sorriu aos homens da fuga

  • 05-08-2019
  •  

    Esta foi a primeira etapa nesta edição da Volta a Portugal em que uma fuga formada na fase inicial conseguiu chegar à meta com sucesso.

    Sabendo de que essa possibilidade existia, muitas equipas colocaram ciclistas na fuga, tendo esta sido numerosa.

    Alejandro Marque e David Livramento (Sporting-Tavira), Óscar Sevilla (Medellín), Zakary Dempster (Israel Cycling Academy), Domingos Gonçalves (Caja Rural-Seguros RGA), Thibault Guernalec (Team Arkéa-Samsic), Marco Tizza (Amore & Vita-Prodir) e João Matias (Vito-Feirense-PNB) foram os que conseguiram a fuga, já passados 52 km’s de etapa. 

    O desinteresse da W52 Fc Porto em perseguir o grupo de fugitivos fez com a vantagem destes chegasse a passar os 5 minutos, e embora a Rádio Popular Boavista tenha feito perseguição, o facto de mais nenhuma equipa o ter feito fez com que a fuga tivesse sucesso no final.

    bikefitting
    Publicidade

    A etapa terminava com uma subida de 3 quilómetros, dentro da Guarda, e foi aí que acabaram as “amizades” dentro da fuga e começaram os ataques entre os fugitivos.

    Marco Tizza (Amore & Vita-Prodir) revelou-se o mais forte, cortando a meta com menos 10 segundos do que Alejandro Marque e menos 23 do que Zakari Dempster, que foram 2.º e 3.º respectivamente.

    Marco Tizza ( Amore & Vita-Prodir )

    O italiano deu a segunda vitória à sua equipa, que a par da Euskadi Murias, são as únicas a intrometer-se no domínio da W52 Fc Porto. Por enquanto, só estas equipas triunfaram na Volta a Portugal 2019.

    Entre os favoritos, integrados no pelotão, a W52-FC Porto impôs um ritmo forte na tentativa de controlar os adversários de João Rodrigues e Gustavo Veloso.

    O melhor foi mesmo Joni Brandão, que recuperou 2 segundos face a Gustavo César Veloso e 4 segundos relativamente a Vicente García de Mateos (Aviludo-Louletano) e a João Rodrigues (W52-FC Porto). 

    Joni Brandão recuperou alguns segundos hoje.

    Gustavo César Veloso continua líder com 15 segundos de vantagem sobre João Rodrigues, tendo Vicente García de Mateos a 22, Joni Brandão a 25 e Henrique Casimiro a 45. 

    Daniel Mestre (W52-FC Porto) continua com a camisola dos pontos e Emanuel Duarte (LA Alumínios-LA Sport) permanece no topo da classificação da juventude. David Ribeiro (LA Alumínios-LA Sport) assumiu a dianteira na montanha e a W52-FC Porto segue à frente por equipas. 

    Amanhã dia de descanso na competição.

    Vídeo resumo da etapa

    TOP 10 da etapa

    TOP 10 da classificação geral após etapa 5

    Subscreve a nossa newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais FacebookInstagramYoutube e Twitter.

    Por: Luís Beltrão

    Partilhar
    error

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
    Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

    Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais