UCI aprova competição e Campeonato do Mundo de E-Mountain Bike (bicicletas eléctricas).

Por | 06-03-2019 | Montanha, Notícias

No decorrer deste ano será conhecido o primeiro Campeão do Mundo de E-MTB, o campeonato do mundo irá decorrer em Mont-Saint-Anne.

No SeaOtter (EUA) este tipo de competição já é feito.

As corridas de E-MTB acontecerão no dia 28 de Agosto, primeiro dia da Taça do Mundo em Mont-Saint-Anne, no Canadá. Serão disputados após o revezamento das equipas de cross-country.

A aprovação desta competição por parte da UCI já acontecera no ano passado, o E-MTB havia sido integrado no Regulamento da UCI.

Só pode ser utilizada uma bateria, sem carregamentos nem substituição.

A novidade é o formato juntar-se ao programa Mundial pela primeira vez este ano, juntamente com o cross-country olímpico (XCO) e o downhill (DHI).

No seu primeiro ano como parte do Campeonato do Mundo da UCI, o E-MTB terá duas corridas: Elites femininos e masculinos.

Em Mont-Saint-Anne, os pilotos farão um percurso de 7,3 km com uma duração entre 1h30 a 2h.

De acordo com os regulamentos da UCI, uma E-MTB é uma bicicleta operada por duas fontes de energia: pedal de força humana e um motor eléctrico.

Em Mont-Saint-Anne, os pilotos farão um percurso de 7,3 km’s. e uma duração de 1h30 a 2h.

O motor deve apenas fornecer assistência quando o ciclista estiver a pedalar, excepto para assistência na partida quando a velocidade não superior a 6 km/h. for permitida.

O motor da bicicleta deve produzir no máximo 250 watts, fornecendo assistência até o máximo 25 km/h. e não podem ser transportadas baterias adicionais durante a competição.

Nós aqui no MARRETAMAN.pt gostamos de todo o tipo de bicicletas, todas elas se encaixam nas necessidades e objectivos de cada um, mas tivemos curiosidade em ver o que pensam os utilizadores sobre esta notícia.

Na página de Facebook da UCI verificámos (ao ler muitos comentários) que a maioria dos adeptos não são fãs desta modalidade e recolhemos um dos muitos comentários que, pela piada que teve, ganhou esse direito.

“Mal posso esperar por um Campeonato do Mundo PlayStation da UCI.”

À parte destes campeonatos UCI, existem alguns atletas de referência que têm dinamizado este tipo de corridas, como “a lenda” Julien Absalon que tem participado em corridas de E-MTB em França, patrocinado pela marca Moustache.

Outro atleta carismático da Taça do Mundo de XCO que se dedicou a um projecto de E-MTB, foi Marco Fontana, neste caso ligado agora ao Enduro e patrocinado pela Focus.

E tu o que achas deste tipo de competição e biciletas? Deixa-nos a tua opinião nos comentários.

Por: Luís Beltrão

Fonte: UCI

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais