Tour de France 2020 – Guia com tudo o que precisas saber

Por | 27-08-2020 | Estrada

Depois de vários meses de paragem e muita incerteza, devido à pandemia mundial de COVID-19, o ciclismo está de volta. Este ano, o Tour de France será a primeira das ‘Três Grandes Voltas’ a ir para a estrada, antes de Giro e Vuelta. A 107.ª edição da prova rainha do ciclismo mundial decorrerá este ano entre 29 de Agosto a 20 de Setembro.

Por ser a corrida mais importante da temporada e o calendário de competição ser mais curto, a expectativa é grande entre os fãs para ver em que condição chegam os ciclistas às exigentes estradas de França, bem como pelo embate entre as equipas Ineos Grenadiers e Jumbo-Visma que têm os principais favoritos à classificação Geral.

As etapas

Durante o Tour de France 2020 o pelotão terá de percorrer um total de 3470 quilómetros, divididos em 21 etapas, com apenas dois dias de descanso, numa corrida praticamente discutida no Sul do país e com muita montanha.

Mapa de etapas do Tour 2020

O arranque, ou ‘Grand Départ’ acontece em Nice e estão previstas passagens pelas cinco cadeias montanhosas do território: Alpes, Maciço Central, Pirenéus, Jura e Vosges, terminando três semanas mais tarde, como é tradição nos Campos Elísios, em Paris.

EtapaDataPartidaChegadaDistânciaTerreno
1Sáb. 29 Ago.Nice Moyen PaysNice156kmPlano
2Dom. 30 Ago.Nice Haut PaysNice187kmA.montanha
3Seg. 31 Ago.NiceSisteron198kmPlano
4Ter. 1 Set.SisteronOrcières-Merlette157kmM.montanha
5Qua. 2 Set.GapPrivas183kmPlano
6Qui. 3 Set.Le TeilMount Aigoual191kmM.montanha
7Sex. 4 Set.MillauLavaur168kmOndulado
8Sab. 5 Set.Cazères-sur-GaronneLoudenvielle140kmA.montanha
9Dom. 6 Set.PauLaruns154kmA.montanha
Desc.Seg. 7 Set.Charente-Maritimes
10Ter. 8 Set.The Château d’OleronSaint-Martin-de-Ré170kmPlano
11Qua. 9 Set.Châtelaillon-PlagePoitiers167kmPlano
12Qui. 10 Set.ChauvignySarran Corrèze218kmM.montanha
13Sex. 11 Set.Châtel-GuyonPuy Mary Cantal191kmA.montanha
14Sáb. 12 Set.Clermont-FerrandLyon197kmPlano
15Dom. 13 Set.LyonGrand Colombier175kmA.montanha
Desc.Seg. 14 Set.Isère
16Ter. 15 Set.La Tour-du-PinVillard-de-Lans164kmA.montanha
17Qua. 16 Set.GrenobleCol de la Loze168kmA.montanha
18Qui. 17 Set.MéribelLa-Roche-sur-Foron168kmA.montanha
19Sex. 18 Set.Bourg-en-BresseChampagnole160kmPlano
20Sáb. 19 Set.LurePlanche de Belles Filles36kmC.R.I.
21Dom. 20 Set.Mantes-la-JolieParis (Champs-Élysées)122kmPlano

Em resumo:

– 9 etapas em planas

– 3 etapas de média montanha

– 8 etapas de alta montanha com chegada em alto (Orcières-Merlette, Puy Mary, Grand Colombier, Méribel Col de la Loze)

– 1 contrarrelógio individual (20.ª etapa – 36 quilómetros entre Lure e La Planche des Belles Filles)

As equipas e respectivas start-list

INEOS GRENADIERS

  • EGAN BERNAL
  • ANDREY AMADOR
  • RICHARD CARAPAZ
  • JONATHAN CASTROVIEJO
  • MICHAL KWIATKOWSKI
  • LUKE ROWE
  • PAVEL SIVAKOV
  • DYLAN VAN BAARLE

TEAM JUMBO – VISMA

  • PRIMOŽ ROGLIC
  • GEORGE BENNETT
  • TOM DUMOULIN
  • ROBERT GESINK
  • AMUND GRØNDAHL JANSEN
  • SEPP KUSS
  • TONY MARTIN
  • WOUT VAN AERT

BORA – HANSGROHE

  • PETER SAGAN
  • EMANUEL BUCHMANN
  • FELIX GROSSSCHARTNER
  • LENNARD KÄMNA
  • GREGOR MÜHLBERGER
  • DANIEL OSS
  • LUKAS PÖSTLBERGER
  • MAXIMILIAN SCHACHMANN

AG2R LA MONDIALE

  • ROMAIN BARDET
  • MIKAEL CHEREL
  • BENOIT COSNEFROY
  • PIERRE LATOUR
  • OLIVER NAESEN
  • NANS PETERS
  • CLEMENT VENTURINI
  • ALEXIS VUILLERMOZ

DECEUNINCK – QUICK – STEP

  • JULIAN ALAPHILIPPE
  • KASPER ASGREEN
  • SAM BENNETT
  • TIM DECLERCQ
  • DRIES DEVENYNS
  • BOB JUNGELS
  • MICHAEL MØRKØV
  • RÉMI CAVAGNA

GROUPAMA – FDJ

  • THIBAUT PINOT
  • WILLIAM BONNET
  • DAVID GAUDU
  • STEFAN KÜNG
  • MATTHIEU LADAGNOUS
  • VALENTIN MADOUAS
  • RUDY MOLARD
  • SÉBASTIEN REICHENBACH

BAHRAIN – MCLAREN

  • MIKEL LANDA
  • PELLO BILBAO
  • DAMIANO CARUSO
  • SONNY COLBRELLI
  • MARCO HALLER
  • MATEJ MOHORIC
  • WOUTER POELS
  • RAFAEL VALLS FERRI

EF PRO CYCLING

  • RIGOBERTO URAN
  • ALBERTO BETTIOL
  • HUGH JOHN CARTHY
  • SERGIO ANDRES HIGUITA
  • JENS KEUKELEIRE
  • DANIEL FELIPE MARTINEZ
  • NEILSON POWLESS
  • TEJAY VAN GARDEREN

TEAM ARKEA – SAMSIC

  • NAIRO QUINTANA
  • WINNER ANDREW ANACONA
  • WARREN BARGUIL
  • MAXIME BOUET
  • DAYER QUINTANA
  • DIEGO ROSA
  • CLÉMENT RUSSO
  • CONNOR SWIFT

MOVISTAR TEAM

  • ALEJANDRO VALVERDE
  • DARIO CATALDO
  • IMANOL ERVITI
  • ENRIC MAS
  • NELSON OLIVEIRA
  • ANTONIO PEDRERO
  • MARC SOLER
  • CARLOS VERONA

TREK – SEGAFREDO

  • RICHIE PORTE
  • NIKLAS EG
  • KENNY ELISSONDE
  • BAUKE MOLLEMA
  • MADS PEDERSEN
  • TOMS SKUJINS
  • JASPER STUYVEN
  • EDWARD THEUNS

CCC TEAM

  • GREG VAN AVERMAET
  • ALESSANDRO DE MARCHI
  • SIMON GESCHKE
  • JAN HIRT
  • JONAS KOCH
  • MICHAEL SCHÄR
  • MATTEO TRENTIN
  • ILNUR ZAKARIN

COFIDIS

  • GUILLAUME MARTIN
  • SIMONE CONSONNI
  • NICOLAS EDET
  • JESUS HERRADA
  • CHRISTOPHE LAPORTE
  • ANTHONY PEREZ
  • PIERRE LUC PERICHON
  • ELIA VIVIANI

UAE TEAM EMIRATES

  • TADEJ POGACAR
  • FABIO ARU
  • DAVID DE LA CRUZ
  • DAVIDE FORMOLO
  • ALEXANDER KRISTOFF
  • VEGARD STAKE LAENGEN
  • MARCO MARCATO
  • JAN POLANC

ASTANA PRO TEAM

Fotografia: SEBASTIEN NOGIER/EPA
  • MIGUEL ANGEL LOPEZ
  • OMAR FRAILE
  • HUGO HOULE
  • GORKA IZAGIRRE INSAUSTI
  • ION IZAGUIRRE INSAUSTI
  • ALEXEY LUTSENKO
  • LUIS LEÓN SANCHEZ
  • HAROLD ALFONSO TEJADA CANACUE

LOTTO SOUDAL

  • CALEB EWAN
  • STEFF CRAS
  • JASPER DE BUYST
  • THOMAS DE GENDT
  • JOHN DEGENKOLB
  • FREDERIK FRISON
  • PHILIPPE GILBERT
  • ROGER KLUGE

MITCHELTON – SCOTT

  • ADAM YATES
  • JACK BAUER
  • SAMUEL BEWLEY
  • ESTEBAN CHAVES
  • DARYL IMPEY
  • CHRISTOPHER JUUL JENSEN
  • LUKA MEZGEC
  • MIKEL NIEVE

ISRAEL START-UP NATION

  • DANIEL MARTIN
  • ANDRÉ GREIPEL
  • BEN HERMANS
  • HUGO HOFSTETTER
  • KRISTS NEILANDS
  • GUY NIV
  • NILS POLITT
  • TOM VAN ASBROECK

TOTAL DIRECT ENERGIE

  • LILIAN CALMEJANE
  • NICCOLÒ BONIFAZIO
  • MATHIEU BURGAUDEAU
  • JEROME COUSIN
  • FABIEN GRELLIER
  • ROMAIN SICARD
  • GEOFFREY SOUPE
  • ANTHONY TURGIS

NTT PRO CYCLING TEAM

  • EDVALD BOASSON HAGEN
  • RYAN GIBBONS
  • MICHAEL GOGL
  • MICHAEL VALGREN HUNDAHL
  • ROMAN KREUZIGER
  • GIACOMO NIZZOLO
  • DOMENICO POZZOVIVO
  • MAXIMILIAN WALSCHEID

TEAM SUNWEB

  • TIESJ BENOOT
  • CEES BOL
  • NIKIAS ARNDT
  • MARC HIRSCHI
  • SØREN KRAGH ANDERSEN
  • JORIS NIEUWENHUIS
  • CASPER PHILLIP PEDERSEN
  • NICOLAS ROCHE

B&B HOTELS – VITAL CONCEPT P / B KTM

  • PIERRE ROLLAND
  • CYRIL BARTHE
  • MAXIME CHEVALIER
  • BRYAN COQUARD
  • JENS DEBUSSCHERE
  • CYRIL GAUTIER
  • QUENTIN PACHER
  • KEVIN REZA

Os portugueses

Nelson Oliveira é o único português na lista de inscritos para a corrida, será o quinto Tour de France do português.

Nelson Oliveira

Transmissão televisiva

Haverá transmissão em vários canais, mas como sempre aconselhamos o Eurosport, porquê?

À semelhança de anos anteriores, o Eurosport garante uma cobertura sem rival do Tour com mais de 100 horas em direto, e a transmissão da totalidade de cada etapa do quilómetro zero até à meta, para proporcionar aos fãs da modalidade uma experiência única.

ESPECIALISTAS DE RENOME

O Eurosport conta com a análise de especialistas de renome mundial como Alberto Contador (vencedor das Três Grandes Voltas, incluindo a camisola amarela em 2007 e 2009), Bradley Wiggins (vencedor do Tour de 2012), Juan Antonio Flecha ou Sean Kelly (rei da Montanha em sete ocasiões).

No Eurosport Portugal toda acção da prova rainha mundial do ciclismo terá o famoso trio de comentadores do canal Luís Piçarra, Paulo Martins e Olivier Bonamici.

DATAS IMPORTANTES:

Especial de Apresentação das Equipas

27 de agosto às 17:30h no Eurosport 1

La Course by Le Tour/ Volta a França feminina

28 de agosto às 9:00h no Eurosport 1

TOUR E EUROSPORT – UMA LIGAÇÃO DE QUASE TRÊS DÉCADAS

A ligação do Eurosport ao Tour de France começou em 1991 e desde então o canal tem vindo a oferecer cada vez mais conteúdos aos seus espectadores. Em 2017, o Eurosport transmitiu pela primeira vez a totalidade das etapas do primeiro ao último quilómetro na televisão e on-line via Eurosport Player.

Medidas COVID-19 – um Tour Diferente do habitual

Este ano, a pandemia de COVID-19 obrigou a algumas mudanças importantes na organização da Volta a França. A organização do Tour solicitou aos espetadores da prova que usem a máscara sempre que forem assistir à corrida.

Para além disso, durante o Tour de France, um laboratório acompanhará a caravana e promete resultados conhecidos no máximo de duas horas, com dois testes a cada corredor antes do arranque de cada etapa e em cada dia de descanso.

Serão igualmente criadas ‘bolhas’ de grupos para cada equipa, a fim de evitar ao máximo o contacto com o exterior e o protocolo em torno dos pódios foi reduzido ao máximo. Exemplo disso é o fim das ‘meninas do pódio’.

O Tour de France 2020 também reduziu drasticamente o número de pessoas envolvidas diariamente na prova. Entre corredores, equipas técnicas, parceiros, organizadores, patrocinadores e outros trabalhadores haverá apenas 3000 pessoas, ao contrário das habituais 5000.

Os ciclistas serão mais protegidos e não vão estar autorizados a interagir com os adeptos, sendo obrigatório o uso de máscara nos locais comuns.

A regra mais polémica que a organização do Tour impôs é a que determina a exclusão da equipa da prova caso duas ou mais pessoas da mesma formação apresentem fortes sintomas suspeitos ou tenham testado positivo à COVID-19. A medida aplica-se não apenas a ciclistas, mas também ao ‘staff’ das equipas. Algo que pode ter um efeito imprevisível no desfecho da corrida.

Até ao momento, desde o início da pandemia, já foram registados em França praticamente 230 mil casos de COVID-19, havendo a lamentar a morte de mais de 30 mil pessoas.

Os candidatos à classificação geral (camisola amarela)

Bernal defende o título

O colombiano Egan Bernal, vencedor do Tour de France 2019, apresenta-se este ano com vontade de renovar o título. Vai liderar uma INEOS desfalcada de algumas das suas principais estrelas como Cris Froome, quatro vezes vencedor do Tour, e Geraint Thomas, vencedor do Tour 2018. Froome, que no final da temporada vai mudar-se para a Israel Start-Up Nation, correrá a Volta a Espanha, entre 20 de Outubro e 8 de Novembro, enquanto Thomas terá como objectivo a Volta a Itália, que decorrerá entre 3 e 25 de Outubro.

Primoz Roglig e Jumbo-Visma em ascensão

O esloveno Primoz Roglig é apontado como um dos grandes favoritos à vitória no Tour e promete dar luta a Bernal. A equipa Jumbo-Visma vem ano após ano a reforçar-se com ciclistas importantes como Tom Dumoulin, Wout van Aert, Toni Martin e outros que garantem um bloco capaz de fazer frente à dominante Ineos.

Os outros

O jovem Tadej Pogacar (UAE – Team Emirates), Emanuel Buchmann (Bora – Hansgrohe), Richard Carapaz (Ineos Grenadiers), Tom Dumoulin (Jumbo – Visma), Nairo Quintana (Arkea Samsic), Mikel Landa (Bahrain McClaren), Thibaut Pinot (Groupama FDJ), Rigoberto Urán (EF – Education First), Miguel Angel Lopez (Astana), são outras das estrelas que têm confirmada a sua participação nesta edição e podem fazer algo de importante.

Tadej Pogacar

Candidatos à classificação por pontos (camisola Verde)

Wout van Aert

O ciclista belga da Jumbo-Visma tem mostrado estar num pico de forma impressionante, tendo vencido recentemente várias clássicas importantes como a Strade Bianche e a Milão – San-remo, além de se ter sagrado campeão belga de contrarrelógio pelo segundo ano consecutivo, é um dos candidatos à classificação dos pontos.

Wout Van Aert já venceu etapa no Tour de França em 2019

Peter Sagan

É o recordista desta classificação na história do Tour de France e como tal, é sempre favorito a vencer a camisola verde, tentará a sua oitava camisola verde.

Peter Sagan

Os outros

O pequeno sprinter australiano Caleb Ewan (Lotto-Soudal), Elia Viviani (Cofidis), Sam Bennet (Deceuninck – Quick-Step), Alexander Kristoff (UAE-Team Emirates), Giacomo Nizzolo (NTT Pro Cycling) ou Sonny Colbrelli (Bahrain McClaren) são outros nomes importantes que podem ter algo a dizer nesta classificação.

Classificação da Montanha (camisola das bolinhas)

Julian Alaphilippe

Já venceu esta classificação em 2018, e fez sonhar muita gente ao andar vestido de amarelo vários dias na ultima edição do Tour de France, mostrando que anda muito bem na montanha e é candidato a esta classificação.

Romain Bardet

É muitas vezes apontado à classificação geral, no entanto foi o vencedor desta classificação em 2019 e como tal volta a ser candidato.

Os Outros

Adam Yates ou Esteban Chavez (Mitchelton-Scott) são ciclistas que também podem lutar por esta classificação, assim como o rei das fugas Thomas de Gendt (Lotto-Soudal), Warren Barguil (Arkea Samsic), Sérgio Higuita (EF-Education First) ou David de la Cruz (UAE – Team Emirates) que também podem vir a lutar por esta classificação.

Classificação da juventude (camisola branca)

Egan Bernal

Vencedor da ultima edição do Tour de France, o colombiano de 23 anos juntou à vitória da classificação geral, a vitória na classificação da juventude e é o mais sério candidato este ano.

Egan Bernal

Tadej Pogacar

O jovem ciclista esloveno fez pódio na sua primeira participação numa grande volta (Vuelta a Espanha 2019), aos 21 anos de idade vem liderar a UAE-Team Emirates no Tour 2020 e é um dos fortes candidatos para esta classificação.

Tadej Pogacar

Os outros

A EF-Education First tem dois jovens colombianos que podem lutar por esta classificação, são eles Sergio Higuita e Daniel Martinez.

Num ano atípico, a expectativa é grande e poderão haver muitas surpresas ao longo de 3 semanas de corrida.

A opinião de Paulo Martins, comentador Eurosport:

“Esta edição o Tour será o mais emocionante dos últimos 20 anos, pela pandemia do covid-19 que pode eliminar a qualquer momento um dos grandes favoritos à vitória final por contagio, pela dureza do percurso e ao mesmo tempo com preparações dos ciclistas diferentes de qualquer edição anterior. Por tudo isto vamos ter incerteza do vencedor até ao final em Paris.”

Paulo Martins

Para ver já a partir de hoje pelas 17:30 no programa Especial de Apresentação das Equipas no Eurosport 1.

Por: Luís Beltrão

Fontes: comunicado de imprensa Eurosport Portugal, site oficial do Tour de France.

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

2 comments on “Tour de France 2020 – Guia com tudo o que precisas saber”

  1. José Luiz da Silva Caetano Latoeiro diz:

    Que seja uma excelente Volta. Parabéns a todo parabens a todos quantos contribuiram para a sua realização a bem do Ciclismo e do Desportol

    1. Obrigado pelo comentário José.

      Esperemos que no mundo e em Portugal este desporto regresse, provando que pode ser praticado sem agravar a pandemia.

      Cumprimentos e boas pedaladas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais