Taça do Mundo de XCO em Mont-Saint-Anne, emoção durante toda a prova.

Por | 14-08-2018 | Montanha, Notícias

Na 6.ª prova da taça do mundo em Mont-Saint-Anne, aqueles que sobreviveram à “eliminação” feita pelo próprio circuito conseguiram a glória.

Em Mont-Saint-Anne no Quebec decorreu uma das corridas mais emocionantes dos últimos tempos, uma pista técnica que originou problemas mecânicos e muitas quedas, o que baralhou o pódio final da corrida.

Uma das muitas quedas, a de Anton Cooper quando discutia a vitória da corrida na última volta. (Resumo da corrida no final).

Com Mathieu Van der Poel ( segundo classificado na geral da Taça do Mundo) de fora nesta ronda, por estar a disputar os europeus de XCO e de estrada em Glasgow, Nino Schurter tinha aqui oportunidade para vencer a sua 6.ª taça do mundo, mas uma corrente partida afastou-o dos lugares do pódio.

Schurter viu-se afastado da frente com a corrente partida.

Schurter não ganhou para o susto, mas o seu 7.º lugar final foi suficiente para vencer a Taça do Mundo de XCO 2018.

Por sua vez, com Schurter afastado da frente da corrida, o vencedor da ronda anterior da taça do mundo Gerhard Kerschbaumer, tinha a oportunidade de conseguir a segunda vitória da carreira numa taça do mundo, mas uma queda no famoso trilho de pedras “La Béatrice” afastou-o da frente da corrida numa fase decisiva, tendo ainda conseguido recuperar e terminado em segundo.

Kerschbaumer conseguiu um segundo lugar, apesar da queda. Fotografia: © BARTEK WOLIŃSKI, Red Bull.

Resistindo a tudo isto, Mathias Fluckiger conseguiu assim aos 29 anos a primeira vitória da sua carreira numa taça do mundo de XCO, tendo batido toda a concorrência e finalizando com toda a gente (inclusive os técnicos das outras equipas) a aplaudir o seu triunfo.

Aos 29 anos, Mathias Fluckiger consegue a primeira vitória numa taça do mundo.

 

Pódio Masculino em Mont-Saint-Anne. Fotografia: © BARTEK WOLIŃSKI, Red Bull.

Aqui tens o resumo da corrida.

Na corrida feminina.

A campeã do Mundo Jolanda Neff alargou a sua vantagem na liderança da Taça do Mundo com mais uma vitória.

A correr em casa a Canadiana Emily Batty ficou no terceiro posto do pódio.

Pódio da corrida feminina.

Podes ver as classificações completas aqui.

 

Luís Beltrão

Mr.B.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais