Resumo – 2.ª prova da taça do mundo de XCO, Nové Město

Por | 27-05-2019 | Montanha

Nové Město na Moravě, na República Checa acolheu a 2.ª prova da taça do mundo de Cross-Country Olímpico (XCO).

Ambiente incrível como sempre em Nové Město.

Uma semana depois da 1.ª corrida em Albstadt na Alemanha, numa corrida com condições e terreno muito difíceis que provocaram problemas a muitos atletas, a expectativa seria ver aqui em condições normais de terreno como seria a resposta de alguns atletas.

Como sempre, na sexta-feira houve a corrida de Short-Track (XCC), e Mathieu van der Poel da equipa Corendon Circus somou mais uma vitória, à semelhança do que já tinha feito na passada temporada bem como na primeira corrida deste ano em Albstadt.

Na corrida feminina a vitória foi para a norte-americana Chloe Woodruff da equipa Pivot.

Aqui tens o resumo em vídeo da corrida de XCC.

As corridas de XCC são pontuáveis para a classificação geral da taça do mundo, mas são só o aperitivo do fim de semana pois a grande corrida é a de XCO.

A corrida de XCO em Nové Město trouxe um estreante a vencer nesta vertente da bicicleta de montanha, Mathieu van der Poel.

Dois anos após ter experimentado pela primeira vez uma bicicleta de montanha e ter feito algumas corridas da taça do mundo como experiência van der Poel conseguiu.

Fotografia histórica, a primeira vitória de Mathieu van der Poel na taça do mundo de XCO.

Estreante a vencer no XCO mas campeão do mundo de Ciclocrosse (CX) (podes ver a época que fez no ciclocrosse no nosso site, na categoria “Ciclocrosse”, estão lá todas as corridas da época).

O momento em que van der Poel se sagrou Campeão do Mundo de CX este ano.

Além disso este “rapazito” holandês (sim um rapazito de 24 anos que embora não pareça é dos mais novos do TOP10 da taça do mundo), também venceu este ano corridas de escalão World Tour na estrada, nomeadamente a Amstel Gold Race.

Fotografia e dados do Strava no final da Amstel Gold Race. Há alguma coisa que Mathieu van der Poel não seja capaz de fazer?

Mathieu van der Poel cruzou meta isolado, o holandês bateu o campeão do Mundo de XCO, o suíço Nino Schurter, por 19 segundos. O terceiro foi outro helvético, Mathias Flueckiger, a 1m53s. 

Resumo da corrida de XCO em vídeo.

O atleta holandês já anunciou que não vai fazer todas as corridas da Taça do Mundo uma vez que já conseguiu o seu principal objectivo que era o apuramento para os Jogos Olímpicos e porque tem que descansar.

Van der Poel faz XCO entre Maio e Setembro, CX entre Setembro e Janeiro, e as clássicas de estrada entre Março e Abril há dois anos seguidos.

Na corrida feminina Kate Courtney somou a segunda vitória em duas corridas a parece neste início de temporada a grande candidata a vencer a taça do mundo.

Resumo da corrida de XCO feminina em vídeo.

Os Portugueses

David Rosa, em representação da Massi, foi o melhor português na prova da Taça do Mundo.

David Rosa

O atleta português partiu da posição 110 da grelha e foi recuperando posições, concluindo na primeira metade da classificação, no 52.º lugar.

Mário Costa terminou a corrida no 93.º posto, a uma volta do vencedor. O ciclista vila-condense fez toda a corrida em sofrimento, devido a uma dor abdominal que o apoquentou de início ao fim.

Mário Costa

Ricardo Marinheiro alinhou pela Brujula Bike Racing Team e foi o 115.º, a três voltas. Entre todos arrecadaram pontos preciosos para a qualificação para os Jogos Olímpicos de 2020.

Ricardo Marinheiro

Classificações completas aqui.

Partilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais