Quanto ganham os ciclistas no Tour de France?

  • 13-07-2018
  •  
    A realidade deste desporto é completamente diferente da de outros, no que respeita a prémios, principalmente se tivermos em conta o esforço despendido pelos atletas.

    O Tour de France é a prova mais mediática e prestigiante do mundo do ciclismo, e consequentemente a que melhores prémios tem. Mas quanto ganham os ciclistas no Tour de France, o topo do mundo do ciclismo?

    Classificação geral

    O vencedor do Tour de France arrecada um prémio de 500.000 euros, o qual na maioria das vezes divide com os colegas de equipa, o segundo classificado 200.000 euros e o terceiro 100.000.

    Etapas

    Os sempre muito disputados sprints e as sempre muito festejadas etapas não são só o culminar de um objectivo, mas também algum dinheiro para o ciclista que vence. Por uma etapa a organização do Tour paga 11.000 euros ao ciclista vencedor.

    O segundo classificado 5.500 e o terceiro 2.800 euros. A quantia vai reduzindo e existe prémio até ao vigésimo classificado na etapa.

    Sprints intermédios e prémios de montanha

    Nos sprints intermédios de etapa o primeiro ganha 1.500 euros, o segundo 1.000 e o terceiro 500 euros.

    Os prémios de montanha dependem da categoria da mesma, numa categoria extra o prémio para quem a cruzar primeiro é de 800 euros, numa primeira categoria 650, numa segunda 500, numa terceira 300 e numa quarta categoria 200 euros.

    Existem prémios de montanha especiais em algumas etapas, por exemplo a subida do “Tourmalet” vale este ano 5.000€.

    Quanto arrecadou cada equipa com as várias classificações no final do Tour 2017:

    Team Sky – €716,590
    Cannondale – Drapac €243,250
    Team Sunweb – €177,790
    Ag2r La Mondiale – €173,040
    Quick-Step Floors – €115,440
    Lotto Soudal – €87,590
    Astana – €81,080
    LottoNL – Jumbo €77,250
    Trek-Segafredo – €69,580
    Orica-Scott – €66,900
    UAE Team Emirates – €63,910
    Dimension Data – €59,710
    BMC Racing – €59,210
    Bora-Hansgrohe – €55,290
    Direct Energie – €43,720
    Wanty-Groupe Gobert – €39,360
    Katusha-Alpecin – €33,880
    FDJ – €32,720
    Fortuneo-Oscaro – €28,150
    Movistar – €24,090
    Bahrain-Merida – €19,960
    Cofidis – €19,230

    As camisolas e classificações

    Além do prestígio, a cada dia que passa com a camisola amarela vestida o ciclista que a tem no corpo ganha 500 euros.

    A camisola de melhor escalador vale no final da prova 11.000 euros para quem a ganha, a de melhor jovem vale 20.000 euros e a equipa vencedora da classificação por equipas leva 50.000 euros.

    Em termos comparativos é uma diferença abismal por exemplo para o futebol, senão vejamos. 50.000 euros para a equipa vencedora do Tour de France?

    Uma simples vitória de um jogo na liga dos campeões no futebol (competição de clubes mais prestigiante) dá 2,7 milhões de euros para a equipa.

    Na tua opinião são justos estes prémios? Porque achas que não tem o ciclismo valores mais equilibrados, por exemplo com o futebol?

    Deixa o teu comentário.

     

    Luís Beltrão

    Mr.B.

     

     

     

     

    Partilhar
    error

    4 comments on “Quanto ganham os ciclistas no Tour de France?”

    1. Rodrigues alvares diz:

      Para e justo sim porque Club de futebol tem em uma equipe 26 jogadores no mínimo, e mais médicos e tudo que tem que compartir isto não dá nem 50 mil pra cada um .

    2. MCARVALHO diz:

      PARA MIM É UM DESPORTO AO ALCANCE DE MUITO POUCOS.
      CICLISMO.

    3. antonio tiras diz:

      Porque ainda se vê mais futebol que ciclismo, as pessoas pagam para ver futebol, não pagam para ver ciclismo. As marcas pagam patrocínios mais altos ao futebol . mas estamos a falar da volta á França , que é a que paga melhor , se comparar-mos com portugal entre outros, então é de louvar aos céus .

    4. Benjamim diz:

      Não é uma questão de justiça, é uma questão de meios financeiros que movimenta – a transferência do Ronaldo para a Juventus deverá pagar-se só com a venda de camisolas da Juventus a dizer “Ronaldo” 🙁

      Não é justo, mas é a realidade do atual sistema em que vivemos, regulado pelas receitas que gera, e pela lei de oferta e procura, e pela urgência/importância da questão envolvida – se tiveres a sanita entupida, vais-te resignar a pagar uma fortuna ao canalizador que lá for a casa LOL

      Abraço Luís!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
    Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

    Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais