O estratega Bjarne Riis volta ao World Tour na NTT

Por | 11-01-2020 | Estrada, Notícias

O dinamarquês Bjarne Riis volta ao World Tour na NTT. O antigo director desportivo de equipas como a CSC, ou a Tinkoff-Saxo volta ao comando de uma equipa World Tour depois de ter abandonado a Tinkoff-Saxo em 2015.

Como director desportivo é considerado um óptimo estratega em corrida, venceu um Tour com Carlos Sastre, uma Vuelta com Contador na Saxo – Bank, entre outros resultados de destaque em clássicas e grandes voltas.

Como antigo ciclista venceu um Tour de França em 1996, tendo nesse ano acabado com o reinado de Miguel Indurain que havia vencido 5 Tours. O dinamarquês admitiu anos depois (em 2007) que se dopou durante algumas vezes durante a sua carreira, mas essa vitória nunca lhe foi retirada do palmarés.

Bjarne Riis volta ao World Tour na NTT (equipa que era a dimension-data, e mudou de patrocinador como podes ver neste nosso artigo), pois a Virtu Cycling, equipa detida pelo antigo corredor, adquiriu um terço da NTT, prometendo criar “uma das melhores equipas do mundo” a tempo da saída do Tour de 2021.

A equipa NTT é a antiga Dimension Data, com patrocinador diferente.

“Muitos dizem que este é o meu regresso, mas eu não concordo. Nunca deixei realmente o ciclismo”,

Disse Bjarne Riis em conferência de imprensa
Bjarne Riis na conferência de apresentação ma NTT Cycling

A NTT anunciou a notícia na quarta-feira, através dos seus canais oficiais e em comunicado à imprensa, onde Riis e Doug Ryder, fundador e director da equipa NTT, expressaram grandes esperanças em melhorar a equipa, que normalmente termina em lugares baixos do ranking de equipas.

Doug Ryder – fundador e director da equipe da NTT.

A Virtu Cycling Group, de que Riis é co-proprietário com Lars Seier Christensen e Jan Bech Andersen, operava só numa equipa feminina, mas a Team Virtu Cycling Women fechou as portas no final de 2019, por não conseguir encontrar um patrocinador, apesar de uma temporada bem-sucedida, a qual incluiu uma vitória do Tour of Flanders para Marta Bastianelli. A Virtu também comanda a equipa masculina continental, “Waoo”.

Publicidade

2020 cada vez mais “quente”.

Se por um lado existem equipas a apostar em ciclistas, por outro existem equipas que apostam em melhorar a estrutura, colocando objectivos a médio longo prazo, esta é mais uma notícia que aumenta a expectativa para a temporada 2020, pois a experiência e carisma de Bjarne Riis nas grandes voltas é inegável, poderá fazer a diferença já nesta temporada?

Ansiosos por ver.

Por: Luís Beltrão

Subscreve a nossa newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais FacebookInstagramYoutube e Twitter .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais