Equipa Ineos deixa Froome e Thomas fora do Tour

Por | 19-08-2020 | Estrada, Notícias

A 10 dias do início da prova mais importante e mediática do ciclismo mundial surge esta bomba, a equipa Ineos deixa Froome e Thomas fora do Tour.

Dave Brailsford, director da equipa, anunciou os oito ciclistas escolhidos para o Tour 2020, onde não constam dois dos seus líderes: Chris Froome e Geraint Thomas.

Geraint Thomas e Chris Froome, ícones da equipa no Tour ficam de fora da prova em 2020.

Assim, Egan Bernal será o único líder da equipa para a prova, tendo ao seu lado o recém chegado à equipa Richard Carapaz que se apresentou em boa forma nas ultimas provas, bem como Pavel Sivakov, que também se destacou no Dauphiné após a ausência do colombiano nas últimas etapas.

Egan Bernal é o líder incontestável da Ineos para o Tour.

Michal Kwiatkowski, Andrey Amador, Jonathan Castroviejo, Luke Rowe e Dylan Van Baarle completam os oito da equipa britânica para o Tour de França 2020.

Richard Carapaz é surpresa de última hora.

A explicação das escolhas, pelo próprio Sir Dave Brailsford

“O Egan terá mais uma vez como alvo a camisola amarela em França e estamos muito satisfeitos em dar ao vencedor do Giro do ano passado, Richard Carapaz, a sua estreia no Tour deste ano”,

disse Brailsford
Sir Dave Brailsford, director da Ineos

“O Geraint vai ter na mira o Giro e ter a oportunidade para dobrar a sua vitória no Tour de France com outra grande volta, com o objectivo de ser o primeiro galês a conquistá-lo.

Dave Brailsford

“Por sua vez, Chris Froome terá como objectivo a Vuelta. O Chris é uma lenda do nosso desporto, um verdadeiro campeão que demonstrou uma coragem incrível e determinação para voltar da sua queda o ano passado. Queremos apoiá-lo para competir por outra vitória numa grande volta, e a Vuelta a Espanha dá-lhe um pouco mais de tempo para continuar o seu progresso para um nível superior.

Dave Brailsford

O director da equipa disse ainda que está satisfeito por ter várias opções na equipa, desde ciclistas já vencedores de grandes voltas, a ciclistas que garantem o futuro, adiantando que numa equipa como a Ineos é fundamental saber seleccionar o líder certo para cada corrida, de acordo com as informações sobre o estado dos atletas.

Richard Carapaz era apontado como o ciclista que iria defender o título no Giro, mas surge agora como “braço direito” de Bernal no Tour. Terá esta escolha relacionada com a estabilidade da equipa?

Deixa-nos a tua opinião comentário sobre estas escolhas.

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais