E3 BinkBank Classic – Final apaixonante, ciclismo “a 200%”

  • 29-03-2019
  •  

    Na 62.ª edição desta clássica que antecede a Gent-Wevelgem já no próximo domingo, que por sua vez é antecede e deixa sinais para o que pode vir a acontecer no Tour de Flanders (por ocorrer no mesmo local), começa a ver-se quem são “os tubarões” das clássicas deste ano. (vídeo no final).

    Zdenek Stybar é um dos ciclistas da Quick Step que está “on-fire” (a par de Alaphilippe) e tem sido este ano o “carrasco” de Avermaet, tendo vencido duas corridas nas quais ambos se encontraram na discussão final da mesma ( Omloop Het Nieuwsblad e hoje a E3 BinkBank Classic ).

    Zdenek Stybar, depois de vencer em Portugal, no alto do Malhão, já leva duas vitórias nas clássicas.

    Greg Van Avermaet, apesar de não ter vitórias em clássicas desde 2017, tem estado na luta e com forma para vencer, no entanto a vitória ainda lhe continua a fugir, muito por culpa de uma “Super” Deceunink Quick-Step que é a equipa rainha das clássicas.

    Greg Van Avermaet

    Wout Van Aert, o jovem ciclista tri-campeão de ciclocrosse está a mostrar o porquê de ter sido contratado por equipa World-Tour (Jumbo Visma), depois de ter feito novamente um 3.º lugar na Strade Bianche mostrou hoje mais uma vez que pode ombrear com os melhores, e finalizou em 2.º, atenção a ele.

    Wout Van Aert

    Alberto Bettiol, ciclista da Education First, apesar de ter deixado boas indicações na sua participação no Tirreno Adriatico, hoje acabou por ser um pouco a surpresa no grupo de ciclistas que discutiram o final da corrida, e fez uma excelente corrida, conseguindo responder aos primeiros ataques de Stybar e trabalhando na perseguição a Jungels.

    Bob Jungels, hoje só não triunfou ao seu estilo (arrancando a 30 km’s do fim para vencer isolado), como fez na Kuurne-Bruxelles-Kuurne, porque Greg Van Avermaet “arregaçou as mangas” e perseguiu-o, tendo a colaboração de Van Aert e Bettiol. Caso não tivesse havido entendimento entre estes ciclistas, Bob Jungels hoje vencia.

    Bob Jungels hoje tentou fazer como na Kuurne-Bruxelles-Kuurne, mas o desfecho foi diferente.

    Peter Sagan, se está presente é inevitável escrever sobre ele, mas hoje não era o seu dia. Não conseguiu responder ao ataque de Greg Van Avermaet, e acabamos por não ter a certeza se foi por incapacidade, ou por problema mecânico.

    Peter Sagan hoje não finalizou com os da frente.

    Fica com o resumo em vídeo da corrida e desfruta dos últimos km’s. que foram apaixonantes, com ataques e respostas constantes.

    Classificações completas aqui.

    Por: Luís Beltrão

    Partilhar
    error

    One comment on “E3 BinkBank Classic – Final apaixonante, ciclismo “a 200%””

    1. Alessandro Ribeiro diz:

      Realmente uma chegada emocionante, destas que não se pode piscar. Só foi definida no último giro do pedal….

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
    Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

    Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais