As fortes medidas de protecção que o Team Ineos adoptou para os seus ciclistas

  • 19-06-2019
  •  

    Após a queda de ontem na Volta a Suíça, Geraint Thomas já informou através das redes sociais que, apesar do susto, não foi nada de grave nem que aparentemente o venha a afastar do Tour.

    A desistência e razão pela qual os médicos o impediram de continuar foi porque lhe tiveram que colocar alguns pontos por cima do olho.

    O ciclista britânico dá sinais de estar bem, dizendo ainda que agora irá necessitar de fazer uns grandes treinos nas próximas semanas.

    Medidas extremas de protecção até ao Tour de França

    Entretanto no Team Ineos, Dave Brailsford, director da equipa adoptou mais uma inovadora e vanguardista técnica no mundo do ciclismo, desta feita para proteger os seus ciclistas.

    Assim, Brailsford poderá garantir que pelo menos Egan Bernal possa chegar “inteiro” ao Tour de França para liderar a equipa.

    Agora que Geraint Thomas informou que está bem, já podemos brincar um pouco com o assunto.

    A verdade é que após queda de Bernal antes do Giro, depois a queda grave de Froome no Dauphiné que o impede de disputar o Tour e agora esta queda de Geraint Thomas, a vida não tem estado fácil no Team Ineos.

    Subscreve a nossa newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais FacebookInstagramYoutube e Twitter.

    Por: Luís Beltrão

    Partilhar
    error

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
    Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

    Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais