Antevisão Campeonato do Mundo de Ciclocrosse

Por | 30-01-2020 | CicloCrosse

Estamos a menos de 48 horas do início do Campeonato do Mundo de Ciclocrosse, que este ano se realizará em Dubendorf, Suíça. Fazemos uma antevisão da prova mais aguardada do ano, seja para a atletas ou adeptos da modalidade.

Mathieu van der Poel e Toon Aerts – Taça do Mundo em Namur

Se quiseres relembrar ou saber como foi a temporada de ciclocrosse até agora, entra no menu “Ciclocrosse” da nossa página principal, á encontras todos os resumos das corridas da Taça do Mundo e troféu Superprestige.

O Circuito

Há muito que se sabe a localização do circuito e embora só mais recentemente se saiba o traçado do mesmo, também há muito tempo se sabe que seria um circuito rápido e maioritariamente plano, visto este ter sido feito num Aeroporto, onde por norma não existem montanhas e vales, pois não dão muito jeito para fazer aterrar aviões.

O circuito dos Campeonatos do Mundo

As dificuldades do circuito foram assim criadas artificialmente, existem pequenos topos nas pontes criadas, areia, barreiras e outros topos criados artificialmente.

Publicidade – clica para saber mais

Que sinais pode dar uma tipologia de circuito assim? O principal é que se podem formar grupos e se pode trabalhar em conjunto, em principio não é uma opção tentar fazer diferenças na primeira metade da corrida.

Corrida masculina – Mathieu van der Poel, e os outros.

Na corrida masculina podem haver duas abordagens ao fenómeno Mathieu van der Poel (MVDP).

Não existe qualquer dúvida que MVDP é o principal favorito a vencer a corrida, os números falam por si, nas últimas 50 corridas de ciclocrosse disputadas pelo holandês, este venceu 49.

Primeira abordagem: quando van der Poel alinha na partida de uma corrida, deixa de haver suspense no que respeita ao vencedor.

A segunda abordagem: qualquer pessoa gosta de ver espectáculo, gosta de ver vencedores, gosta de ver ataques, e com MVDP as corridas de ciclocrosse têm tudo isto.

Interpretações do fenómeno van der Poel à parte, a verdade nua e crua é que o holandês não está um nível acima dos seus adversários, está dois ou três! Só um problema mecânico ou uma queda grave poderiam impedir MVDP de revalidar o seu título de campeão do mundo.

Os outros

Toon Aerts, vencedor das últimas edições da Taça do Mundo de Ciclocrosse, ex- Campeão da Europa e vencedor de vários troféus, é rei e senhor na lama (característica que o favorece).

Além de ser o vencedor da taça do mundo da corrente temporada, pode gabar-se de ser o único atleta a vencer uma corrida a Mathieu van der Poel nos últimos tempos (corrida do DVV Trofee, em Ronse, Dezembro de 2019).

Toon Aerts.

Toon Aerts foi um atleta regular durante toda a época, mas notou-se claramente que apontou o seu pico de forma para a segunda metade da temporada, pois o atleta belga de 26 anos fez uma temporada em crescente de forma.

Toon Aerts e Matieu van der Poel, a batalha repete-se.

Uma queda na épica corrida de Namur (quando lutava pela vitória com MVDP) custou-lhe 4 costelas partidas, o que lhe pode ter influenciado o seu trajecto e pico de forma para os campeonatos do mundo, mas se existe atleta capaz de “bater o pé” a Mathieu van der Poel, Toon Aerts é um deles.

Eli Iserbyt, o ainda Sub-23 que decidiu competir em Elite teve um arranque avassalador, onde venceu várias corridas na primeira metade da temporada, discutiu até à última prova a taça do mundo, foi medalha de prata nos Campeonatos da Europa e é líder do DVV Trofee a uma prova do fim.

Eli Iserbyt vai certamente querer discutir a corrida e mesmo que não vença, esta já é uma temporada fenomenal por parte do “baixinho” atleta belga.

Laurens Sweeck é o outro belga em destaque na presente temporada, onde já conta com algumas vitórias, mas acima de tudo prima pela regularidade, o que lhe vale a liderança do mais prestigiado troféu de ciclocrosse, o Superprestige, a duas provas do fim.

O ponto alto da temporada e da carreira de Laurens Sweeck foi este ano sagrar-se campeão belga da modalidade, o que tendo em conta a tradição que este desporto tem no país, vale quase tanto como ser campeão do mundo.

Wout van Aert dispensa apresentações, é tri-campeão do mundo da modalidade, desde as camadas jovens é o arquirrival de MVDP, juntamente com o holandês fez uma transição de sucesso para o ciclismo de estrada e é graças a ambos que hoje em dia o ciclocrosse é mais visto em todo o mundo.

Wout van Aert foi Campeão do Mundo elite em 2016, 2017 e 2018.

O agora ciclista da Jumbo-Visma não fez a temporada de ciclocrosse completa, por estar em recuperação de uma grave queda sofrida durante o contra-relógio do Tour de França, no entanto após o seu regresso tem feito sempre TOP 10 nas corridas e inclusive já fez pódio.

Wout van Aert é também um prodígio do ciclocrosse mundial.

O ano passado discutiu o título com MVDP, este ano é pouco provável que esteja na discussão da corrida, mas tendo em conta o seu valor e experiência não seria de estranhar que finalizasse no pódio.

Start List Elites Masculinos

Pos.Nome (País)
1Mathieu van der Poel (Países Baixos)
2Lars van der Haar ( Países Baixos )
3Corne van Kessel ( Países Baixos )
4Joris Nieuwenhuis ( Países Baixos )
5David van der Poel ( Países Baixos )
6Stan Godrie ( Países Baixos )
7Sieben Wouters ( Países Baixos )
S 8Maik van der Heijden ( Países Baixos )
9Laurens Sweeck (Bélgica)
10Toon Aerts ( Bélgica )
11Eli Iserbyt ( Bélgica )
12Michael Vanthourenhout ( Bélgica )
13Quinten Hermans ( Bélgica )
14Tim Merlier ( Bélgica )
15Wout van Aert ( Bélgica )
S 16Gianni Vermeersch ( Bélgica )
S 17Jens Adams ( Bélgica )
S 18Thijs Aerts ( Bélgica )
19Marcel Meisen (Alemanha)
20Sascha Weber ( Alemanha )
21Steve Chainel (França)
22David Menut ( França )
23Felipe Orts Lloret (Espanha)
24Kevin Suarez Fernandez ( Espanha )
25Kerry Werner (EUA)
26Curtis White ( EUA )
27Stephen Hyde ( EUA )
28Timon Ruegg (Suíça)
29Simon Zahner ( Suíça )
30Marcel Wildhaber ( Suíça )
31Lukas Fluckiger ( Suíça )
32Nicola Rohrbach ( Suíça )
33Emil Hekele (R.Checa)
34Michael Boros ( R.Checa )
35Tomas Paprstka ( R.Checa )
36Jan Nesvadba ( R.Checa )
37Michael van den Ham (Canadá)
38Cameron Jette ( Canadá )
39Nicolas Samparisi (Itália)
40Cristian Cominelli ( Itália )
S 41Gioele Bertolini ( Itália )
S 42Stefano Capponi ( Itália )
S 43Stefano Sala ( Itália )
44Thomas Pidcock ( Inglaterra )
45Matej Ulik (Eslováquia)
46Ondrej Glajza ( Eslováquia )
47Simon Vozar ( Eslováquia )
48Goran Cerovic (Montenegro)

Corrida feminina – selecção dos Países Baixos sem estratégia nem amizades

Na presente temporada as corridas têm sido completamente dominadas, em todos os troféus, por atletas holandesas e todas elas querem a camisola do arco-íris, pelo que nestes campeonatos do mundo não se prevê que haja estratégia de equipa. Vejamos as candidatas.

Annemarie Worst, é a ex-campeã da Europa que na presente temporada tem estado sempre em destaque, tendo conseguido a medalha de bronze no Campeonato da Europa e tendo a Taça do Mundo.

Annemarie Worst venceu a Ceyline Alvarado, várias vezes ao sprint.

Worst também fez uma temporada em crescente de forma, tem estado na discussão das últimas corridas e este é o seu principal objectivo da temporada.

Ceylin Alvarado é ainda atleta sub-23, mas ao contrário dos Campeonatos da Europa (onde se sagrou Campeã da Europa sub-23), decidiu competir na categoria de Elite, e tem razões para isso pois tem dividido o domínio das corridas da presente temporada com a sua compatriota Annemarie Worst.

Alvarado discutiu a vitória da Taça do Mundo até à última prova, e não fosse um erro e consequente queda a poucos metros do fim, poderia mesmo ter ganho.

Anne Marie Worst e Celine Alvarado.

Tem estado em grande destaque, é uma das principais favoritas mas tem que descartar as adversárias antes dos metros finais, caso contrário tem desvantagem no sprint, como se verificou em várias corridas este ano.

Lucinda Brand, praticamente só apareceu na segunda metade da temporada, claramente com um objectivo, a camisola do arco-íris.

Lucinda Brand

A atleta holandesa de 31 anos tem dominado as últimas corridas da temporada, domínio só interrompido por uma queda que sofreu no DVV Trofee.

Sanne Cant é a única atleta belga entre as favoritas, embora na presente temporada não tenha dado tanto nas vistas como as três que referimos acima, Sanne Cant tem sido top 10, top 5 em muitas corridas.

Desempenho da temporada à parte, Sanne Cant é a actual Campeã do Mundo, título que venceu nos últimos 3 anos consecutivamente, o que basta para estar entre as candidatas.

Start list Elites femininas

Pos.Nome (País)
1Sanne Cant (Bélgica)
2Ellen van Loy ( Bélgica )
3Laura Verdonschot ( Bélgica )
4Yara Kastelijn (Países Baixos)
5Ceylin del Carmen Alvarado ( Países Baixos )
6Annemarie Worst ( Países Baixos )
7Lucinda Brand ( Países Baixos )
8Geerte Hoeke ( Países Baixos )
9Maud Kaptheijns ( Países Baixos )
10Clara Honsinger (EUA)
11Katherine Compton ( EUA )
12Rebecca Fahringer ( EUA )
13Evie Richards (Inglaterra)
14Bethany Crumpton ( Inglaterra )
15Pavla Havlikova (R.Checa)
16Katerina Nash ( R.Checa )
17Nikola Bajgerova ( R.Checa )
18Lucia Gonzalez Blanco (Espanha)
19Aida Nuno Palacio ( Espanha )
20Paula Diaz Lopez ( Espanha )
21Eva Lechner (Itália)
22Alice Maria Arzuffi ( Itália )
S 23Rebecca Gariboldi ( Itália )
S 24Silvia Persico ( Itália )
S 25Alessia Bulleri ( Itália )
26Zina Barhoumi (Suíça)
27Caroline Mani (França)
28Marlene Petit ( França )
29Perrine Clauzel ( França )
30Zuzanna Krzystala (Polónia)
31Barbara Borowiecka ( Polónia )
32Christine Majerus (Luxemburgo)
33Elisabeth Brandau (Alemanha)
34Maghalie Rochette (Canadá)
35Jennifer Jackson ( Canadá )
36Nadja Heigl (Áustria)
37Aya Akamatsu (Japão)
38Mari-liis Mottus (Estónia)

Transmissão

As provas de elite feminina e masculina serão transmitidas pela Eurosport Portugal, com comentários de Paulo Martins e Luís Beltrão, nos seguintes dias e horários:

Sábado 1 de Fevereiro: 13:55 – Prova de Elite Feminina na Eurosport 2

Domingo 2 de Fevereiro: 13:55 – Prova de Elite Masculina na Eurosport 2

Espero por ti este fim de semana na Eurosport 2.

Por: Luís Beltrão

Subscreve a nossa newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais