3.ª prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse

Por | 18-11-2019 | CicloCrosse, Notícias

Temos uma Taça de Portugal de Ciclocrosse animada na presente temporada, com 3 vencedores diferentes nas 3 primeiras provas de elites masculinos.

Arranque da prova de Elites masculinos em Bragança

A “caravana” da Taça de Portugal de ciclocrosse deslocou-se este fim de semana para Bragança, onde na prova de elites masculinos se assistiu a um duelo a dois entre Roberto Ferreira e Mário Costa (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde).

Roberto Ferreira e Mário Costa lutaram pela vitória.

O corredor da equipa de Seia acabou por ser o mais rápido, terminando a prova com menos 17 segundos que o representante da formação vila-condense. Depois de Márcio Barbosa na primeira prova e de Mário Costa na segunda, Roberto Ferreira é o terceiro atleta a vencer uma prova no que levamos de temporada.

Roberto Ferreira venceu a sua primeira prova de ciclocrosse na presente temporada.

O terceiro, a 47 segundos, foi o campeão nacional, Márcio Barbosa (Aviludo-Louletano). Mário Costa manteve o primeiro lugar na geral da Taça, visto ser o mais regular até agora.

Entre a elite feminina manda uma júnior. Ana Santos não tem dado hipóteses à concorrência e, por isso, comanda destacada a classificação geral.

Ana Santos leva 3 vitórias em 3 corridas.

Venceu isolada, com 2m.47s. de vantagem sobre a adversária mais próxima, Melissa Maia (Korpo Activo BTT/UD Lorvanense).

A terceira classificada, a 4m51s, foi Joana Monteiro (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde).

Vídeo com algumas imagens da prova e entrevista dos vencedores.

Nas camadas jovens, Bragança consagrou a sub-23 Jéssica Costa (Guilhabreu BTT), o júnior Vasco Cunha (BTT Matosinhos) e os cadetes Tomás Mota (ACD Milharado/DrevionHolidays/Mafra) e Laura Mira (Redondela Il Picolo).

Publicidade

As provas de veteranos foram ganhas pelo master 30 Rúben Nunes (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde), pelos masters 40 Rogério Matos (Rompe Trilhos/Ajpcar) e Estela Lago (Bike O Facho), pelo master 50 António Sousa e pelo master 60 Joaquim Pinto (Silva & Vinha/ADRAP/Sentir Penafiel).

Paulo Fernandes (Seissa/KTM Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact) foi o melhor juvenil, uma categoria não pontuável para a geral da Taça.

Classificações completas aqui.

Subscreve a nossa newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do MARRETAMAN.pt. Segue-nos nas várias redes sociais FacebookInstagramYoutube e Twitter.

Fonte: Federação Portuguesa de Ciclismo.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Para colocar um comentário, deve ler e concordar com as normas RGPD abaixo:
Este formulário regista o seu nome, email e comentário para que possamos gerir os comentários colocados no nosso site. Para mais informação sobre como, porquê e onde armazenamos os seus dados por favor consulte a nossa Política de Privacidade.

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais